Lixo

Procurando nos meus cadernos da adolescência algo que pudesse aproveitar para um conto, consegui salvar umas duas páginas em quatro cadernos. Três foram pro lixo. Impressionante como eu tinha capacidade de escrever porcaria há quinze anos. Espero que daqui a outros quinze não olhe pros livros publicados e tenha essa mesma sensação.

O que escrevemos tem também isso de semelhante ao que vivenciamos: precisamos de um certo distanciamento para poder julgar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s